A Associação Brasileira de Franchising, ABF, divulgou, pelo terceiro ano consecutivo, o ranking sobre as 50 principais redes de franquias em operação no Brasil, e fez uma análise do perfil de cada uma delas.

Realizada exclusivamente com marcas associadas, a pesquisa é feita a partir do banco de dados da entidade com informações registradas pelas próprias redes. O sistema audita eletronicamente as informações quanto à sua veracidade e autenticidade através de regras e salvaguardas específicas no processo de inserção dos dados no próprio sistema.

De acordo com o estudo, o volume de unidades das Top 50 aumentou 9% no último ano, dois pontos percentuais a mais do que em 2018, quando foi de 7%. O número mínimo para figurar entre as Top 50 do franchising brasileiro subiu 7%, de 301 para 321 operações.

Para André Friedheim, presidente da ABF, “esse levantamento confirma mais uma vez que o franchising brasileiro avança de forma contínua, segura, com redes cada vez mais maduras e com boas práticas de gestão. É uma grande satisfação acompanhar o desenvolvimento deste grupo das 50 Maiores que, certamente, é uma referência importante para todo o setor”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui