O objetivo desse conteúdo é trazer as notícias mais relevantes sobre varejo e negócios da semana, tudo de forma prática e simplificada, mas sem deixar com que os principais detalhes passem despercebidos. 

noticias-da-semana-12-09-21

Vendas do comércio crescem 1,2% em julho

Pelo quarto período consecutivo, o comércio varejista avançou 1,2% entre junho e julho, de acordo com números divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 

Com isso, o volume de vendas foi elevado ao patamar recorde da série histórica da pesquisa, que teve sua primeira versão no ano 2000. Neste ano, o varejo acumula crescimento de 6,6%, e nos últimos doze meses, cresceu 5,9%. Os resultados superaram as expectativas dos analistas e cinco das oito atividades pesquisadas tiveram alta na passagem de junho para julho.

Desempenho de cada um dos segmentos no mês de junho:

  • Combustíveis e lubrificantes: -0,3%
  • Móveis e eletrodomésticos: -1,4%
  • Livros, jornais, revistas e papelaria: -5,2%
  • Artigos farmacêuticos, médicos, ortopédicos e de perfumaria: 0,1%
  • Hipermercados, supermercados, produtos alimentícios, bebidas e fumo: 0,2%
  • Equipamentos e material para escritório, informática e comunicação: 0,6%
  • Tecidos, vestuário e calçados: 2,8%
  • Outros artigos de uso pessoal e doméstico: 19,1%
  • Veículos, motos, partes e peças: 0,2% (varejo ampliado)
  • Material de construção: -2,3% (varejo ampliado)

O segmento varejista enfrenta um cenário de crescimento desigual e ainda com incertezas à frente. Porém, mesmo com aumento de inflação e taxas de juros, o setor continua superando as expectativas do mercado.’

Mercados de bairro crescem significativamente no 1T21

De acordo com pesquisa lançada pela consultoria Nielsen, os mercados de bairro, que não pertencem a grandes redes varejistas, cresceram 21,2% em valor e 9,4% em volume no primeiro trimestre de 2021 na comparação com o mesmo período do ano passado. 

Esses números podem ser justificados pelo fator pandemia, que fez com que as pessoas buscassem locais com um número menor de pessoas e que exigisse menor deslocamento. 

Boticário lança um novo conceito de loja multicanal

O Grupo Boticário lança o projeto lojas de parede, que são banners fixados na parede simulando uma vitrine, com foto, descrição e código QR Code que, quando acessado, direciona os clientes para plataforma de e-commerce da empresa, onde os produtos já estarão no carrinho de compras prontos para serem enviados ao consumidor com frete grátis. A loja de parede estará disponível no Terminal Rodoviário Tietê e pela Linha 4 Amarela do metrô.

Como objetivo do projeto, Artur Grynbaum, sócio e vice-presidente do conselho do Grupo, em entrevista recente à Mercado&Consumo, fez a seguinte afirmação:

“A ideia é oferecer soluções e entender melhor a realidade por meio de dados. Também buscamos ter um desempenho ainda melhor nas áreas em que atuamos e mais intensidade no trabalho de integração dos dados.”

Varejo Farmacêutico reporta crescimento de 14,69%

Entre os meses e agosto de 2020 e julho de 2021, o varejo farmacêutico brasileiro faturou R$ 66,07 bilhões, valor este que representa um crescimento de 14,69%, de acordo com levantamento feito pela Fundação Instituto de Administração (FIA), divulgado pela Associação Brasileira de Redes de Farmácias e Drogarias (Abrafarma). 

O segmento foi responsável por gerar 27.476 empregos diretos no primeiro semestre de 2021 e consolida crescimento acelerado em meio a fragilidade econômica gerada pela pandemia. De acordo com a pesquisa, foram vendidos 2,81 bilhões de produtos farmacológicos em pouco mais de 900 milhões de operações nos últimos 12 meses. 

Americanas adquire a Skoob

  A Americanas S.A. fez a aquisição da Skoob, maior plataforma digital de conteúdo para leitores do Brasil, com mais de 8 milhões de usuários. De acordo com fato relevante divulgado ao mercado, a aquisição é um movimento estratégico da Americanas para ser ainda mais relevante no dia a dia dos clientes, potencializando o engajamento, a recorrência e o alcance de novos clientes.

A operação fortalece a experiência de consumo omnichannel da companhia, engajando os clientes por meio de produção de conteúdo, além de gerar recorrência de compra em suas plataformas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui